Menu
Blog Infra como Código

Atraso na entrega de demandas: como resolver?

O atraso na entrega de demandas é um dos principais motivos para a queda de produtividade de uma equipe de TI. Por isso, é necessário entender porque as demandas não são entregues dentro dos prazos esperados.

Razões para o atraso na entrega de demandas

  1. Na maioria das vezes, o atraso na entrega de demandas acontece normalmente por sobrecarga das equipes que cuidam delas, e isso não é um problema de pessoal ou descaso dos funcionários;
  2. Essas equipes normalmente não têm um processo – ou ferramentas – que permitam a execução destas demandas em tempo hábil. Em geral, os times estão associados a modelos de administração legados, empiricamente chamados de artesanais ou manuais de escolas clássicas de infraestrutura;
  3. Outro grave problema ocorre quando as equipes de infraestrutura se tornam o gargalo de processos sobre os quais não possuem controle. Um exemplo ocorre quando são encontrados vários tickets de criação de VMs, demandados por áreas internas para testes: em nenhuma destas requisições a infraestrutura podia opinar, modificar ou recusar. Nesse caso, cabia a ela apenas executar de forma manual tal demanda, que entraria em uma fila com dezenas ou centenas de outras atividades como esta.
  4. Na escola clássica de TI, as responsabilidades de INFRA e DEVEL são conflitantes: de um lado a INFRA vem de uma escola que pregava que o importante é a disponibilidade (uptime) e que mudanças são a principal causa de incidentes. Do outro lado temos o DEVEL, que vem de uma escola em que agregar valor ao negócio significa mudar rápido e sem testes para deixar o cliente satisfeito. Em empresas com devel e infra clássica esses comportamentos geram conflitos e, como consequência, atrasos na entrega das demandas e conclusão de projetos.

Após realizar um diagnóstico para identificar quais principais causas se aplicam à realidade da sua equipe de TI, é importante também entender quais as soluções existentes e como elas podem ser utilizadas de acordo com o seu contexto atual.

 

Conheça algumas soluções:

– Mudança de comportamento dos times através de cultura colaborativa: um exemplo é a aplicação da cultura DevOps;

DICA: Se você quiser saber mais sobre Automação de TI, confira a nossa checklist gratuita sobre o assunto clicando aqui.

– Implantação de novo modelo de gestão de infraestrutura amparado em um processo moderno de automação e avaliação de métricas;

– Implantação de um novo modelo de desenvolvimento amparado em robustos testes que darão cobertura maior ao código das aplicações;

– Implantação de modelo de autosserviço onde o cliente consumirá o recurso de TI de forma direta e autônoma para determinadas demandas, extinguindo os gargalos e concentrando o planejamento estratégico e colaborativo para mudanças em produção;

– Mudança de mindset, extinção de silos, planejamento colaborativo, metas claras, divisão e execução de atividades de acordo com os modelos ágeis de gestão de atividades e projetos.

 

Se você quiser saber mais sobre a automação de TI ou tiver dúvidas sobre o assunto, entre em contato conosco pelo nosso site ou pelas nossas redes sociais.